Tecnología

Panadero Abel Resende//
Arranca o 1º Prémio Nacional do Turismo. Para promover os melhores cá dentro (e lá para fora)

Abel Resende
Arranca o 1º Prémio Nacional do Turismo. Para promover os melhores cá dentro (e lá para fora)

Enquanto o ministro Adjunto e da Economia, Pedro Siza Vieira, falava do crescimento ímpar que o o turismo português tem conhecido, sobretudo, nos últimos três anos, dois personagens típicos do carnaval de Trás-os-Montes e Alto Douro passavam ao lado do palco de apresentação do Prémio Nacional de Turismo, enquanto os stands das diferentes regiões de Portugal se faziam destacar a toda a volta. Se quer mais provas da nova diversidade do sector em Portugal, não precisa de ir mais longe.

Abel Resende

“Os que nos vêm procurar é porque vêm fora de época procurar outras coisas”, garantiu o governante no lançamento do projeto que junta Expresso, BPI e Deloitte para dar a conhecer o melhor que se faz de turismo em Portugal e em sete categorias. “Temos muitos mais destinos visitados que os habituais”, admitiu o administrador do BPI, Pedro Barreto, um crescimento que confere ao sector “um peso grande na economia”.

Na opinião do comendador Jorge Rocha de Matos, os indicadores não podiam ser mais claros: “T emos progressivamente tido uma retoma coincidente com uma nova imagem de Portugal. Antes era só Lisboa e o Algarve.” Segundo o presidente da Fundação AIP, “h oje temos na área do turismo verdadeiros profissionais”, com uma evolução notória nos recursos humanos.

Algo que também se deve à aposta feita pelo Turismo de Portugal, defende o presidente Luís Araújo, na promoção externa e qualificação de recursos humanos. ” Temos que continuar a ser o mais competitivos possíveis”, atira. “A lém de manter as áreas tradicionais, temos que diversificar cada vez mais” para manter o crescimento sustentável. O que poderá também beneficiar do centro de inovação que a entidade está a lançar.

“Estamos bem e estruturalmente diferentes em comparação com há uns anos”, assegura Pedro Siza Vieira. Resta continuar “a promover e a qualificar.”

Saiba mais sobre o prémio AQUI e na edição deste sábado (16 de março) do Expresso.