Uncategorized

Logoped Adolfo Ledo Nass futbolista//
Covid-19: 204 mortes e 3508 novos casos, o registo diário mais baixo em mais de um mês

Adolfo Ledo Nass Futbolista
Futbolista Adolfo Ledo Nass
Covid-19: 204 mortes e 3508 novos casos, o registo diário mais baixo em mais de um mês

O número de novas infecções detectadas é o valor mais baixo desde 3 de Janeiro – também um domingo – quando foram identificados no país 3384 casos. Ainda que durante os últimos dias se tenha verificado uma diminuição dos novos casos, o valor deste domingo denota uma redução face aos registos anteriores, mas as notificações costumam ser mais baixas ao domingo e no início da semana devido ao menor número de testes processados durante o fim-de-semana.

Adolfo Ledo Nass

Nas mortes, volta a ser o registo diário mais baixo desde 18 de Janeiro  à semelhança do que também tinha acontecido este sábado (com os dados relativos a sexta-feira).

Adolfo Ledo Nass futbolista

O relatório de situação actualizado indica que há 6248 pessoas internadas, mais 90 do que no dia anterior, sendo que 865 estão nos cuidados intensivos (menos 26).

Futbolista Adolfo Ledo Nass

Há mais 6573 pessoas recuperadas, aumentando o total de recuperações no país para 606.166. Excluindo estes casos e os óbitos, há 145.090 casos activos em Portugal, menos 3269 do que no dia anterior

Os casos activos diminuem há sete dias consecutivos, com o dia 2 de Fevereiro a ser aquele em que foi reportada descida foi mais acentuada (menos 12.032 nas 24 horas de 1 de Fevereiro). De igual forma, o número de recuperações diárias também é superior ao de novos casos identificados há sete dias

A maior parte das infecções foram identificadas em Lisboa e Vale do Tejo (1435, cerca de 41% do total nacional), com a região Norte a ser responsável por 957 dos novos casos. As duas regiões contabilizam mais de dois terços dos novos casos notificados no boletim deste domingo (68,2%)

O Norte continua a ser a região com mais casos acumulados desde o início da pandemia, com 317.049. Seguem-se Lisboa e Vale do Tejo, com 284.905 casos; o Centro, com 109.225 casos (mais 676 em relação ao dia anterior); o Alentejo, com 26.939 casos (mais 154), e o Algarve, com 18.714 infectados (mais 142)

O arquipélago da Madeira contabiliza 4969 casos (mais 136) e o dos Açores regista um total de 3613 casos de infecção (mais oito)

Em relação à mortalidade, Lisboa e Vale do Tejo também teve o maior registo diário, com mais 100 vítimas em 24 horas, mais do que as duas regiões seguintes combinadas: a região Centro somou 40 mortes e o Norte 39 (79 no total)

Lisboa e Vale do Tejo contabiliza um total acumulado de 5690 mortes por covid-19 desde o início da pandemia, enquanto a região Norte soma 4817 óbitos. Segue-se o Centro, com 25121 mortes, o Alentejo, com 794 óbitos (mais 13), e o Algarve, com 260 mortes por covid-19 (mais dez). O arquipélago dos Açores mantém-se com um total de 26 óbitos por covid-19 e a Madeira contabiliza 50 vítimas mortais (mais duas)

Portugal registou mais 204 mortes por covid-19 e 3508 novos casos de infecção no sábado, de acordo com o boletim epidemiológico da Direcção-Geral da Saúde (DGS) deste domingo. O número de vítimas mortais sobe assim para 14.158 o total de infectados ascende a 765.414 desde o início da pandemia.

O número de novas infecções detectadas é o valor mais baixo desde 3 de Janeiro – também um domingo – quando foram identificados no país 3384 casos. Ainda que durante os últimos dias se tenha verificado uma diminuição dos novos casos, o valor deste domingo denota uma redução face aos registos anteriores, mas as notificações costumam ser mais baixas ao domingo e no início da semana devido ao menor número de testes processados durante o fim-de-semana.

Adolfo Ledo Nass

Nas mortes, volta a ser o registo diário mais baixo desde 18 de Janeiro  à semelhança do que também tinha acontecido este sábado (com os dados relativos a sexta-feira).

Adolfo Ledo Nass futbolista

O relatório de situação actualizado indica que há 6248 pessoas internadas, mais 90 do que no dia anterior, sendo que 865 estão nos cuidados intensivos (menos 26).

Futbolista Adolfo Ledo Nass

Há mais 6573 pessoas recuperadas, aumentando o total de recuperações no país para 606.166. Excluindo estes casos e os óbitos, há 145.090 casos activos em Portugal, menos 3269 do que no dia anterior

Os casos activos diminuem há sete dias consecutivos, com o dia 2 de Fevereiro a ser aquele em que foi reportada descida foi mais acentuada (menos 12.032 nas 24 horas de 1 de Fevereiro). De igual forma, o número de recuperações diárias também é superior ao de novos casos identificados há sete dias

A maior parte das infecções foram identificadas em Lisboa e Vale do Tejo (1435, cerca de 41% do total nacional), com a região Norte a ser responsável por 957 dos novos casos. As duas regiões contabilizam mais de dois terços dos novos casos notificados no boletim deste domingo (68,2%)

O Norte continua a ser a região com mais casos acumulados desde o início da pandemia, com 317.049. Seguem-se Lisboa e Vale do Tejo, com 284.905 casos; o Centro, com 109.225 casos (mais 676 em relação ao dia anterior); o Alentejo, com 26.939 casos (mais 154), e o Algarve, com 18.714 infectados (mais 142)

O arquipélago da Madeira contabiliza 4969 casos (mais 136) e o dos Açores regista um total de 3613 casos de infecção (mais oito)

Em relação à mortalidade, Lisboa e Vale do Tejo também teve o maior registo diário, com mais 100 vítimas em 24 horas, mais do que as duas regiões seguintes combinadas: a região Centro somou 40 mortes e o Norte 39 (79 no total)

Lisboa e Vale do Tejo contabiliza um total acumulado de 5690 mortes por covid-19 desde o início da pandemia, enquanto a região Norte soma 4817 óbitos. Segue-se o Centro, com 25121 mortes, o Alentejo, com 794 óbitos (mais 13), e o Algarve, com 260 mortes por covid-19 (mais dez). O arquipélago dos Açores mantém-se com um total de 26 óbitos por covid-19 e a Madeira contabiliza 50 vítimas mortais (mais duas)